13 erros mais comuns de viajantes iniciantes

escrito porCarina Takahama 10 de março de 2017

Perrengues de viagem. Quem nunca passou por algum levante a mão!

Salvo situações inusitadas e inesperadas, muitos erros são comuns mas também muito fáceis de evitar.

E antes que você aprenda somente com erros, estamos aqui para te dar uma ajudinha.

Veja aqui os erros mais comuns cometidos por viajantes e torne sua viagem proveitosa.

 

O planejamento perfeito da viagem: conheça os erros de um mal planejamento

1. Comprar tudo com antecedência

Se você é daqueles que gosta de comprar passagens, reservar hospedagem, comprar os tickets e ingressos antes de chegar no destinos ou até passagens para as viagens entre cidades, tome cuidado.

É um hábito muito bom se organizar antes de viajar, mas pode ser um uma armadilha também.

Você pode mudar de ideia, desistir de ir a uma atração, querer ficar mais tempo em uma cidade, estender sua viagem, etc.

Além disso se algum imprevisto surgiu, para trocar a data somente de passagens aéreas ou hospedagem é mais fácil e flexível do que alterar datas de entradas de parques, etc.

 

2. Não renovar o passaporte a tempo

Viagens internacionais exigem mais organização do que viagens nacionais. 

 Alguns cuidados devem ser tomados como:

Comprar passagens de ida e volta, pois para certos países você será questionado sobre a data da volta na alfândega 

Estar atento à data da validade do passaporte. Geralmente exigem 3 meses a frente.

E se você precisa renová-lo, acesso o portal da Polícia Federal e agendar a renovação do passaporte.

 

3. Não conhecer o destino

 Você vê uma foto bonita e logo se apaixona pelo lugar, e decidi que lá é o seu próximo destino.

Porém você não sabe como chegar, quais hospedagens estão disponíveis e nem quanto custa viajar para lá.

Você não pesquisa sobre o clima, qual a melhor época do ano para ir e quais tipos de atividades o local oferece para você e se isso se encaixa o seu perfil.

Essas são características básicas para decidir definitivamente se aquele é um bom destino ou não para viajar, passear e relaxar.

Pesquisar sobre o lugar que quer visitar é uma ação obrigatória para sabe o que tem de bom para fazer e se a quantidade de atividades é compatível com o tempo que terá.

Já pensou se você vai a um lugar passar a semana, mas não tem quase nada para se fazer? #frustante

Se, ao contrário, não faz ideia de um local bacana para descobrir há diversos sites que ajudam a descobrir um destino bem bacana para passear (leia aqui)

 

4. O tamanho da sua bagagem importa

A quantidade de malas ou bagagem influencia muito na forma de locomoção e na facilidade de acesso para onde você irá. 

Não adianta querer levar só malas de rodinhas se for para o Deserto do Atacama onde o chão é de terra batida, por exemplo.

Portanto antes de começar arrumar as malas se faça algumas perguntas para eliminar alguns erros mais grotescos como:

Qual o clima do seu destino?

Essa é a primeira pesquisa que você deve na internet ou perguntar para alguém antes começar a arrumar as suas malas.

Claro que se estiver frio as suas prioridades são levar roupas mais pesadas e casacos mais quentinhos além dos acessórios básicos como luvas, toucas, cachecóis e sapatos fechados

Se pelo contrário o clima é quente você não precisará levar muitas roupas de frio e sim roupas leves e sapatos abertos.

Não se esqueça também dos detalhes se: 

  • venta muito?
  • estará mais propício à chuvas?
  • você fará mais aventuras ou irá explorar mais a cidade?

O estilo do lugar também influencia muito sobre as coisas a levar.

Se é uma viagem mas aventureira onde irá explorar locais pouco visitados, fazer trilhas, andar de bicicleta ou qualquer coisa do tipo você deverá levar roupas mais técnicas e que facilitem as suas atividades.

Se for um lugar mais urbano, leve o que te deixa mais à vontade.

 

5. Levar coisas a mais

A sua bagagem deverá conter somente o que irá usar. Leve o necessário para não passar aperto. 

Esqueça o pensamento “e se eu precisar”. Geralmente temos esse sentimento de que talvez vamos precisar, e se fizer frio, e se fizer calor demais, e se chover, e se nevar, e se..

Para isso, basta pesquisa como estará o clima no local (ou nos locais) para não ser peg@ de surpresa.

 

6. Não levar dinheiro suficiente

Já passei cada aperto ao calcular errado meus gastos!

Um dos mais críticos foi não ter USD25.00 para sair da Bolívia (rss). Um amigo meu emprestou pois eu não contava com esse gasto.

Por isso digo:

  • pesquise sobre o local
  • deixe separado esse dinheiro que saberá que precisará  como taxas de aeroporto ou de deslocamento comida hospedagem transporte como táxi ou ônibus passeios
  • sempre deixe um extra para imprevistos (como o meu).  nunca se sabe se você precisar eu não pagar algo a mais e também se houve alteração nos preços que você já tinha pesquisado.

Diversão significa gastos. Não se preocupe nos momentos de diversão e se previna 

Separe o dinheiro se você quer ir a parques, museus, fazer passeios pagos, contratar um guia turístico.

 

7. Não fazer um checklist no planejamento da viagem

Alguns fatores são essenciais para uma  viagem tranquila e livre de preocupações.

  • validade do passaporte
  • compra de passagens de ida e volta
  • vacinas (se necessário)
  • hospedagens
  • passeios concorridos
  • visto (se necessário)
  • padrão de tomadas do país
  • câmbio 
  • liberação do cartão de crédito para uso internacional

 

8. Perder o horário do embarque ou não perceber que o número do portão mudou

Horários de embarque mudam, assim como os portões de embarque.

Para isso é importante sempre ter em mãos os horários, datas, número de vôos, etc. Imprimia, tire fotos, salve no celular.

Saiba que para aviões deve-se fazer o check-in antecipadamente assim como estar na área de embarque pelo menos meia hora antes do avião partir

 

Fique tranquilo durante a viagem: aprenda aqui

9. Querer visitar mais lugares que o tempo permite

Tudo bem que o seu destino é muito interessante e existem milhares de coisas para fazer porém o tempo é limitado e se você engessou a viagem lotando a sua agenda de atividades isso dificultará para que adicione outras coisas legais para fazer e que acabou descobrindo somente quando chegou lá.

Digo novamente deixe sempre um tempo de folga para imprevistos, descanso e também para adicionar atividades e passeios que queira fazer.

 

10. Devolver carro alugado de última hora

Se você vai devolver o carro em um aeroporto não se esqueça que aeroportos são enormes e que existe um protocolo a ser seguido no momento da devolução do carro.

Ao devolver o carro ele será analisado caso tenha alguma não conformidade como batidas ou o tanque de combustível não está cheio

Somente após essa etapa de fiscalização é que você irá  assinar a devolução do veículo e aí sim poderá partir para o terminal de embarque.

 

11. Reservar uma hospedagem fora de mão

A pesquisa por hospedagem requer alguns cuidados para não cair em ciladas como reservar uma que fica muito longe da onde você quer passear ou muito longe do centro ou locais turísticos do destino.

Pesquise por quais locais você quer passear para assim decidir a localização da sua hospedagem. Isso te fará economizar dinheiro e tempo.

 

12. Dar sorte para o azar e ficar doente

Viajar é viver, ser livre, fazer coisas que não fazia antes. #loucura

Mas tome cuidado para não ficar doente. Você pode estragar sua viagem e perder dias se recuperando por causa de um descuido.

Tenha sempre em mão:

  • kit de primeiros socorros
  • farmacinha
  • contratar seguro viagens

 

13. Não fazer Backup das fotos

Fotos são a lembrança da viagem.

Você vai reviver os momentos que passou nas últimas viagens olhando para elas. E perder câmeras (roubadas, derrubadas, perdidas, esquecidas) é mais comum que se imagina. #olhaopreju

Perdi uma câmera uma vez num dos Parques da Disney. Estava nos últimos dias de visita e resolvi ir numa montanha russa. Quando me dei conta, ela tinha escorregado do meu bolso e não consegui reavê-la. Fiquei bem triste, mas aprendi muito desde o incidente.

Hoje eu levo a câmera me segura comigo (ou na mochila bem fechada ou no money belt).

Numa das viagens pelo Peru uma amiga foi roubada no casaco. Conseguiram pegar a câmera dela no bolso da jaqueta (e é por isso que só carrego em bolsos internos das roubas agora)

Todo cuidado é pouco quando o assunto é furto.

# Dica

  • Sempre faça o backup das fotos assim que puder (de cidade em cidade, a cada dia).
  • Leve um cartão SD que é mais comparto que pen drive e vá descarregando. Se tiver nuvem, suba na nuvem também. 

Boa viagem!

39 comentários
0

Veja também

39 comentários

Ju Garzon 25 de março de 2017 at 18:48

Concordo com praticamente todos os pontos abordados, menos o primeiro. Acho essencial se planejar e comprar tudo o que der de forma adiantada. Talvez não antes de chegar no lugar, mas alguns dias antes do dia planejado da atividade. A maioria dos descontos estão online e em certos dias. Fica até mais fácil se planejar pesquisando antes – e olha que eu não sou a louca do roteiro (até o contrário)! kkkk

Responder
Carina Takahama 27 de março de 2017 at 09:10

Oi, Ju.
Sim, com certeza há coisas que se comprar com antecedência você economizará bastante, mas outras não como a passagem aérea comprada com muitas antecedência.
Tudo vai depender do que e quando. =)

Responder
Lucimar da Silva Moreira 25 de março de 2017 at 20:22

Quantos erros comuns que nós podemos cometer, que dicas boas vc deu aqui temos que ficar atentos mesmo, principalmente fazer backup das fotos isso é importante, obrigada por compartilhar anotei aqui pra não me esquecer, muito importante as informações contidas aqui, bjs.

Responder
Carina Takahama 27 de março de 2017 at 09:09

Sim, Lucimar!
Já perdi muitas fotos por bobeira e descuido.
Sempre bom ter uma maneira de fazer backup e guardá-las de alguma forma! =)

Responder
Suelen 26 de março de 2017 at 01:15

Uau amei as dicas

Responder
Marcia Pimentel 26 de março de 2017 at 02:33

Oi,
Com certeza essas são boas dicas para não fazer da viagem uma dor de cabeça.
Gostei muito do post e das dicas.
Abrçs

Responder
Carina Takahama 27 de março de 2017 at 09:00

Oi, Marcia!
Que bom que gostou!
Fico feliz!

Responder
Joana D'arc 26 de março de 2017 at 13:19

oi
Eu amo viajar 😀
E já cometi quase todos estes erros 🙁 mais de uma vez.
Principalmente o 1° e o 3°….
bjo

Responder
Carina Takahama 27 de março de 2017 at 09:06

Sim, Joana!
Ficamos tão ansiosos para viajar que queremos tudo certo e pronto!
E são aprendizados que levamos para a vida, com certeza! =)

Responder
Bianca Carla 27 de março de 2017 at 01:48

AMEI as dicas. Sério mesmo. Eu estou pra fazer um intercâmbio e embarcarei logo, mas será meu primeiro, então ainda existe aquele frio na barriga de não saber o que levar e tal, seu post deu uma ajudada a pensar melhor a questão da bagagem, principalmente.

Beijos

Responder
Carina Takahama 27 de março de 2017 at 09:07

Que bom, Bianca!!
Se precisar de mais ajuda é só me chamar! Adoro ajudar outras pessoas a viajarem e já fiz muitos amigos assim! =)

Responder
Fábio Mendes 27 de março de 2017 at 13:23

Adorei o post, muito bacana mesmo! As dicas são importantíssimas e quem viaja bastante sabe que esses tipos de erros são bem comuns. Aos poucos a gente vai aprendendo e tornando a viagem cada vez mais bacana. Abraços e parabéns pelo post!

Responder
Carina Takahama 29 de março de 2017 at 04:42

Oi, Fábio!
Sim, quem viajar mais geralmente já aprendeu tudo isso…rss
Nada como viajar para aprender mais e mais!
=)

Responder
Gisele Rocetti 27 de março de 2017 at 18:05

Excelentes dicas! É bom sempre estarmos atentos a esses detalhes para que TUDO saia bem!
Bjos

Responder
Carina Takahama 29 de março de 2017 at 04:41

Sim, Gisele!
Com certeza! =)

Responder
Rayanni K. 27 de março de 2017 at 18:25

Olá, adorei o post!
É sempre bom ficar atenta a pequenos deslizes né, ótimo post!
Um beijo.

Responder
Carina Takahama 29 de março de 2017 at 04:40

Oi, Rayanni.
Sim, com certeza! =)

Responder
Alice Martins 27 de março de 2017 at 20:12

Oi Carina, tudo bem?

Já percebi que sou uma viajante que erra muito. Já cometi cada bobagem que só Jesus na causa.
De certa forma, seu post acabou me dando muitas dicas e agora irei usar e abusar delas! Adorei!

Beijos!

Responder
Carina Takahama 29 de março de 2017 at 04:40

Oi, Alice!
Quem nunca, não é mesmo?

Viagens são experiências e aprendizados constantes. Nunca uma é igual à outra. =)

Responder
Keila LM 27 de março de 2017 at 21:39

Carina me vi nesses erros rsrs, obrigada por compartilhar dicas maravilhosas

Responder
Carina Takahama 29 de março de 2017 at 04:39

Oi, Keila!
hahaha
Então tenho certeza que já não comete mais eles! =)

Responder
Kassia Gular 27 de março de 2017 at 23:08

Caramba!
Ajuda muito essas dicas, confesso que a parte mais dificil pra mim é o tamanho da bagagem…rs
Bjs ♥

Responder
Carina Takahama 29 de março de 2017 at 04:38

Oi, Kassia.
Sim, para nós mulheres fica mais complexo que uma mala de homens.
Mas sempre damos um jeito de otimizar uma mala, pode ter certeza!
Hoje em dia eu viajo com bem pouca coisa e não passo aperto. Tudo é treino e experiência.
=)

Responder
Isabel Cerqueira 28 de março de 2017 at 01:17

Que dicas maravilhosas, amei todas. Estou prestes a entrar nesse mundo de viagens e estou pesquisando bastante sobre o assunto, esse post veio na hora que eu precisava. Já salvei no meu computador rs

Responder
Carina Takahama 29 de março de 2017 at 04:37

Oi, Isabel!
Viajar é maravilhoso!
Seja bem-vinda e se precisar de mais dicas é só falar comigo!

Responder
Erica Oliveira 28 de março de 2017 at 13:00

Essa do dinheiro sempre acontece comigo rsrs mas depois de um tempo comecei a levar comigo um cartão de crédito que eu possa usar pq assim se acontecer algum imprevisto ou o dinheiro em es´pécie acabar não fico totalmente sem opções rsrs

Responder
Carina Takahama 29 de março de 2017 at 04:36

Somos 2, Erica! rsss
Em relação a dinheiro eu já passei por cada uma, até um caixa eletrônico já engoliu meu cartão e não quis devolver.
Dinheiro carregado em mais de uma forma é sempre bom para prevenir!
=)

Responder
Luh Barros 28 de março de 2017 at 16:21

Dicas maravilhosas e mega importante, quando for viajar vou reler seu post, porque sou um tanto que distraída rs. Beijos.

Responder
Carina Takahama 29 de março de 2017 at 04:34

Oi, Luh!
Fique à vontade!
Leia, releia e se precisar pode pedir dicas que te mando mais!
=)

Responder
Erika Monteiro 28 de março de 2017 at 17:41

Oie, tudo bem? Com certeza para viajar é preciso se programar e deixar tudo em ordem. O que mais me preocupo com certeza é conhecer bem o lugar e fazer backup das fotos. Não adianta ficar uma semana viajando e perder tudo né =/ Ótimas dicas! Beijos, Érika ^.^

Responder
Carina Takahama 29 de março de 2017 at 04:34

Sim, Erika!
Fotos são as eternas lembranças da viagem..rss
Sempre vale ter um jeito de guardá-las de uma forma segura.
=)

Responder
Daniela Vaz 28 de março de 2017 at 18:06

O pior erro sem duvida é não ‘procurar conhecer o destino’. Tudo bem que vamos turistar mas hoje em dia com a net é beeeem mais facil. Sempre tem algo que vale a pena, coisas que parecem legais e no final não passa de treta…. Bem isso mesmo.
Seguindo tudo =)
Sem erro quando viajar =)
Bj

Responder
Carina Takahama 29 de março de 2017 at 04:33

Oi, Daniela!
Com certeza a Internet facilita e muita na hora de viajar!
Que bom que gostou!
=)

Responder
Luma Vieira 29 de março de 2017 at 03:11

Olá Carina que dicas excelentes principalmente sobre o tamanho da mala, por realmente é muito importante e ficam dificeis de estar movimentando. Beijos

Responder
Carina Takahama 29 de março de 2017 at 04:32

Oi, Luma!
Que bom que gostou das dicas!
Sim, a mala tem fundamental importância na locomoção durante a viagem, principalmente em viagens com várias cidades e destinos.

Responder
Isaac Zedecc - Livros & Reticências 30 de março de 2017 at 15:21

Olá,
Adorei todas as dicas. Apesar de viajar não estar nos planos dos meus pais, sempre está no meu. Então, esse post foi muito valioso para mim. A ultima dica é crucial, as fotos são tão importantes na hora de relembrar aqueles momentos, que fiquei com dó da sua câmera perdida.

Bjs

Responder
Carina Takahama 31 de março de 2017 at 07:52

Oi, Isaac.
Viajar é tudo de bom mesmo!
Fotos e amigos são valiosos em todas as viagens!
=)

Responder
Janini Ranucci 3 de abril de 2017 at 07:01

Estou acostumada a cometer todos esses errinhos basicos e sei que a maioria das pessoas faz isso mesmo sem perceber! É impressionante como simplesmente conhecer o lugar de destino pode trazer a pessoa uma tranquilidade quanto a tudo.

Vou salvar as dicas para futuramente, muito obrigada!

Responder
Carina Takahama 4 de abril de 2017 at 04:14

Sim, Janini.
Só de conhecer o lugar já abre os olhos para muita coisa. =)

Responder

Deixe um comentário