Hospedagem de graça pelo mundo. Saiba como encontrar.

escrito porCarina Takahama 22 de março de 2017

Depois do deslocamento, a acomodação é o segundo item de despesa fixa, necessária e muitas vezes ocupa também um lugar significativo na lista de gastos.
E não importa quanto custa sua acomodação, todos queremos economizar ao máximo em tudo que pudermos para poder curtir mais a viagem. #fato
Cortar gastos da acomodação sem cair em ciladas é o que você irá encontrar nesse artigo hoje.

 

Permuta – Uma troca com muitas vantagens

A permuta se baseia em troca. Seja ela por hospedagem, refeições e outras regalias durante uma viagem, como passeios, internet, roupa lavada, etc.

 

Usando suas habilidades

Suas habilidades podem te levar a cruzar fronteiras, sabia?

Se você trabalha com:
– fotografia
– vídeos
– criação de websites
– marketing

Saiba que você pode trocar sua experiência por:
– hospedagem
– passeios
– deslocamento
– refeições

Para conseguir esses benefícios é preciso persistência e paciência. Você pode oferecer seus serviços enviando e-mails ou entrando em contato pessoalmente.
Deixei tudo bem claro: sua missão, suas expectativas e como o cliente ganhará com seu trabalho.

Voluntariado

Trabalhando em fazendas orgânicas

Dispor sua energia participando de colheitas ou cuidando de hortas não requer habilidade ou experiência anterior e podem te ajudar a viajar para determinado país.
As oportunidades são postadas pelas fazendas e vão desde semear, colher frutas.
Geralmente os trabalhos requerem algumas horas e o resto do tempo você pode usar para passear.

Conheça os principais projetos:
WOOF – World Wide Oportunities in Organic Farms: O mais conhecido e utilizado até o momento. Contém uma grande oferta de fazendas e é confiável.
– Global Help Swap
ATTRA
Good Food Jobs
Idealist: É um site muito amplo que oferece deste oportunidades para voluntariado, estágios, vagas de emprego, etc.
Há filtros para refinar sua busca por tema ou localização.
Volunteers Base

 

Aumentando o leque de oportunidades

Os projetos conectam viajantes e pessoas locais que precisam de alguma ajuda.
Parecido com as fazendas orgânicas do WOOF, o voluntário trabalhar algumas horas por dias, geralmente de segunda a sábado e tira o restante do tempo para passear ou explorar pelas redondezas.

Worldpackers
É um projeto brasileiro que incentiva a troca de experiências democratizando as viagens e incentivando o contato entre pessoas do mundo todo.
Presente em mais de 100 países, Worldpackers incentiva a troca de habilidades por acomodação.

Atualmente o projeto atua em 3 vertentes:

– Trabalho usando suas habilidades
– Voluntariado em ONGs e projetos sociais
– Fazendas orgânicas

Workaway
Outro site que oferece vagas ao redor do globo: Irlanda, Portugal, Romênia, Estados Unidos e África do Sul.
Aqui você vai encontrar oportunidades em:
– hoteis
– albergues
– resorts
– barcos
As vagas são geralmente para recepcionista, bartender, lavador de pratos, garçons, etc.

HelpX
Atuante em diversos países, o HelpX agrega vagas em hostels, fazendas, pousadas e até cruzeiros.
O objetivo é obter experiência prática, conviver com as pessoas locais, viajar para muitos lugares.
As jornadas de trabalho podem ir de 2 a 6 horas dependendo da oferta de trabalho. Há vagas que exigem mais tempo, mas em troca oferecem um passeio, comida, internet, etc.

 

Trocas culturais:

Couchsurfing
É uma rede social de viajantes de todo o mundo muito disseminada entre os viajantes experientes.
Você pode tanto hospedar alguém como se hospedar na moradia de outra pessoa da rede.

Hospitality Club
Assim como o Couchsurfing, o Hospitality Club é uma rede social que tem o objetivo de aproximar pessoas. Seja hospedando um viajante, passeando ou ajudando de qualquer forma.

 

Tomando conta da casa de alguém

Sim!
Ao invés de alguém pagar algum caseiro ou pedir para alguém olhar a casa, você pode ocupar esse lugar em troca de acomodação.
Alguns anúncios incluem cuidar de pets também. Então se você gosta de conhecer lugares novos, é responsável e gosta de animais de estimação, essa oportunidade se encaixa no seu perfil!
É algo recíproco onde você se se hospeda na casa da pessoa para mantê-la organizada e garantir sua segurança.

Trusted House Sitters
O site além de oferecer para cuidar de uma casa, você, ao invés, pode tomar conta de um pet.
Mind My House https://www.mindmyhouse.com/
São quase 20 mil casas cadastradas onde você pode tomar conta de um pet adorável e passear pela cidade enquanto desfruta de acomodação gratuita.

HouseCares

Switch Homes

Guest to Guest: site em português. Fácil para se localizar, muitas variedades de casas ao redor do mundo.

 

Troca de casas

Diferente do House Sitting, a troca de casas exige que enquanto você estiver na casa de alguém esse alguém esteja na sua casa.
Para isso alguns dados como local e data devem coincidir para haver a troca. Além de poder escolher com quem deseja realizar a troca.

Stay4Free
Home Exhange
Site em Português. São mais de 65 mil casas em mais de 150 países para conhecer.
Escolha seu possível destinos por categorias ou por destino.x
Home Link

 

Trabalhando com aventuras

Fins to Spurs  Um casal que viaja o mundo a procura de oportunidades relacionadas à aventura e posta no seu site.
Adventure Jobs Aqui você encontra ofertas de emprego do mundo todo.

 

Se você conhece outra forma de encontrar acomodações praticamente de graça, nos conte!

Boa viagem!

Carina.

20 comentários
0

Veja também

20 comentários

Analuiza (Espiando Pelo Mundo) 23 de março de 2017 at 14:53

Menina… o leque de opções é vasto e parece que só aumenta não é mesmo?! Acho isso bárbaro porque existe a possibilidade, não só de viajar como também de acumular experiências variadas e conhecer pessoas e culturas sob outra perspectiva. Muito bom!

Responder
Carina Takahama 24 de março de 2017 at 08:23

Sim, Analuiza!
Já vi gente viajando a pé, conheço muitos viajando de bicicleta e a carona se tornou muito usada de uns tempos para cá também. =)

Responder
Fábio Junior Alves 23 de março de 2017 at 15:26

Dicas maravilhosas, este é um guia muito completo das variadas formas que temos para viajar economizando. É muito importante que todos saibam que viajar é algo para todos e que realizar este sonho é possível!

Responder
Carina Takahama 24 de março de 2017 at 08:22

Sim, Fábio!
São muitas as maneiras de viajar e viver experiências diferentes!
Acho válido todo tipo de vivência! =)

Responder
ana flores 23 de março de 2017 at 15:41

uma coisa que me deixa curiosa sobre esses couchsurfings e afins é: se voce ficar na casa de alguém terá de abrir a sua casa para hóspedes também?

Responder
Carina Takahama 24 de março de 2017 at 08:21

Oi, Ana.
Não.
Seu perfil pode estar aberto somente a se hospedar na casa de alguém, somente receber ou também somente ajudar outros viajantes mostrando a cidade.

Responder
Michela Borges Nunes 23 de março de 2017 at 17:45

Que post legal, Carina. Ensinar as pessoas que amam viajar a economizar é tudo de bom. Cada vez mais há opções por aí para continuarmos viajando e gastando menos, né. Que ótimo…

Responder
Carina Takahama 24 de março de 2017 at 08:20

Sempre bom ter mais dinheiro para viajar né, Michela!
Fico feliz que gostou!

Responder
Keul Fortes 23 de março de 2017 at 18:39

Que bacana! Esse post é muito útil. Adorei as dicas que você disse. Algumas não sabia que eram possíveis. Parabéns pelo post!

Responder
Carina Takahama 24 de março de 2017 at 08:19

Que bom que gostou, Keul! Tire o máximo de proveito e se divirta na viagem!

Responder
Itamar Japa 23 de março de 2017 at 20:58

Adorei as dicas! Confesso que vou aproveitar muitas coisas! O Post está muito útil! Parabéns! 🙂

Responder
Carina Takahama 24 de março de 2017 at 08:04

Obrigada, Itamar! Que bom que as dicas foram úteis!

Responder
Laura Sette 24 de março de 2017 at 10:11

Ótimas dicas, Ca! 😉

Responder
Carina Takahama 27 de março de 2017 at 09:18

Obrigada, Laura! =)

Responder
Mariana 24 de março de 2017 at 12:04

Ótimas dicas! Eu estava pesquisando o Home Exchange para a próxima viagem, espero que dê certo! Você já usou algo parecido?

Responder
Carina Takahama 27 de março de 2017 at 09:13

Oi, Mariana!
Não usei ainda, mas é seguro.
Troque mensagens com a possível troca e se sinta seguro. Combine tudo e tire todas as dúvidas. Tudo o que é combinado não sai caro.
Outra dica é: tenha alguém que possa ajudar a pessoa na sua casa enquanto você estiver fora. Sempre bom em casos de imprevistos.
=)

Responder
Flavia Zenke 24 de março de 2017 at 13:55

Que legal! Amei as relações de possibilidades pelo mundo. Será que tem algo para família com criança?

Responder
Carina Takahama 27 de março de 2017 at 09:18

Com certeza tem, Flavia!
Você pode se inspirar em alguns blogs:
http://www.viajaremfamilia.com/
http://www.familiaviagem.com.br/
https://www.guichevirtual.com.br/blog/10-dicas-para-planejar-viagem-em-familia/
http://www.submarinoviagens.com.br/turismo/familia

Espero que tenha te ajudado.
Se precisar de mais ajuda ou não tiver encontrado as informações que procurava, só me chamar. Gosto de ajudar, de coração!

Responder
Deisy Rodrigues 27 de março de 2017 at 04:33

Quanta opção legal, não têm nem como falar que viajar é algo impossível, sair da caixinha e procurar opções alternativas é uma solução.

Responder
Carina Takahama 27 de março de 2017 at 08:52

Sim, Deisy!
Viajar está cada vez mais fácil e acessível! =)

Responder

Deixe um comentário